O que é Hatha Yoga – II

monge
Praticando yoga — cada instante de sua vida.

Yoga não é sobre “o que”, mas sobre “como”.

A frase acima não é minha. Infelizmente não lembro onde a li (se alguém souber, seja bem-vindo para indicar a referência na caixa de comentários). Só sei que se trata de uma frase genial, que explica muito falando muito pouco.

Lembremos, por exemplo, que o Yoga Sutra praticamente não fala de asanas — Patañjali menciona apenas os asanas para meditação. As escrituras específicas do Hatha Yoga mencionam mais asanas, mas as explicações são breves, às vezes enigmáticas. Ao fazer a síntese dessas leituras e ao aproximá-las da prática rotineira, qualquer estudante poderá notar que — como dizia a frase do início — não importa qual é a prática, importa como é a prática.

Obviamente, continuo achando vinyasa algo muito divertido e continuo gostando de uma prática de asanas intensa em dias quentes, que fazem transpirar abundantemente e deixam os músculos e tendões mais soltos. Mas se você realiza diariamente uma prática intensa de três horas ou se apenas medita por cinco minutos pela manhã ou se é apenas um entusiasta dos ensinamentos escritos de alguns yogis, pouco importa. Importa que essas práticas — umas mais físicas, outras mais introspectivas — sejam yoga.

Um de meus professores de aikido dizia algo muito parecido com a frase que iniciou este post:

Sabem por que eu sei mais aikido que vocês? Porque eu acordo aikido, bebo aikido, respiro aikido, ando aikido, penso aikido e durmo aikido.

E aikido, na frase acima, é advérbio, não objeto. É “como”, não “o que”. Morihei Ueshiba, o fundador do aikido, queria dizer a mesma coisa com a frase seguinte (que pode ser apócrifa, mas que é tão bela quanto aquela frase sobre yoga):

Sempre que eu me movo, isso é aikido.

E estas idéias, claro, valem para o yoga. Yoga não é algo que você faz quando está numa escola ou estúdio diante de um professor, embora isso possa estar incluído em seu sadhana. Yoga é o que você faz o tempo todo. E se preparar o café da manhã, varrer o chão, colocar o lixo para fora e tomar banho não são práticas habituais nas aulas de yoga, logo yoga é a forma como você faz todas essas coisas que na aparência não são yoga.

.
link da imagem

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s